segunda-feira, 19 de março de 2018

Reunião da Câmara Municipal de Estarreja de 08.03.2018 - Finalmente, uma das salas da Escola Visconde de Salreu já tem um blackout!


Este é um texto adaptado da ata da reunião da CME de 08.03.2018 com as intervenções das Vereadoras do PS, Catarina Rodrigues e Madalena Balça. 

Finalmente, uma das salas da Escola Visconde de Salreu já tem um blackout! Sem outra solução à vista, uma aluna de arquitetura que está a desenvolver um projeto na sala do 1.º ano adquiriu, do seu próprio bolso, uns metros quadrados de tecido preto para suprir a necessidade de dar uma aula recorrendo à utilização do quadro interativo (ver fotos). Lembramos que esta necessidade tem sido recorrentemente lembrada por nós e recorrentemente relegada para segundo, terceiro ou quarto plano por vós! Julgamos que isto já roça o ridículo! Desde a inauguração escola que as salas estão equipadas com quadros interativos que não podem ser utilizados por excesso de luz! E ainda mais ridículo se torna quando ficamos a saber que a Câmara Municipal de Estarreja vai transitar para este ano um saldo de gerência que pode ultrapassar os 5 milhões de euros.

Conclui-se assim, que não é por falta de fundos disponíveis que as crianças do nosso concelho ficam privadas das condições que se exigem em pleno século XXI. Em Salreu é o que se sabe... Em Avanca o projeto para uma nova escola já era. Em Pardilhó todo o apoio é pouco. Em Cabeças continuamos sem aquecimento, e na Escola Básica Padre Donaciano de Abreu Freire continuamos sem um espaço seguro e confortável para as crianças brincarem em dias de chuva,
continuamos com vidros partidos no edifício do Pré escolar, continuamos sem um sistema de aquecimento capaz no bloco do 1.º Ciclo... Continuamos, continuamos e continuamos!

E isto só reforça o que temos vindo a dizer.


sexta-feira, 16 de março de 2018

Reunião da Câmara Municipal de Estarreja - 8 de Março de 2018



As vereadoras do PS, Catarina Rodrigues e Madalena Balça, requereram ao Sr. Presidente da Câmara acesso a um conjunto de documentos e informações, sobre as reuniões realizadas com a Secretária de Estado da Saúde, com a Secretária de Estado Adjunta e da Educação e sobre um conjunto de documentos relacionados com o planeamento estratégico do concelho de Estarreja.  Estes requerimentos surgem na sequência de vários pedidos que ainda não foram atendidos  e que se reportam ao ano de 2017.



Jorge Sequeira eleito Presidente da Federação de Aveiro do Partido Socialista

Jorge Sequeira venceu as eleições federativas realizadas no passado dia 9 de Março com 76,35% dos votos. Pedro Vaz obteve 22,19% dos votos.

No acto eleitoral participaram cerca de 74% dos militantes com capacidade eleitoral.

A votação dos delegados ao congresso resultou em 17,4% de votos para as listas afectas à moção apresentada por Pedro Vaz, "No Tempo Certo". Já as candidaturas adstritas à moção "Ousar Vencer" de Jorge Sequeira obtiveram 80,2% dos votos.

Assim, a candidatura de Jorge Sequeira elegeu 181 delegados. Por sua vez, a candidatura de Pedro Vaz será representada por 38 delegados.

A votação de 9 de Março serviu também para eleger a Presidente do Departamento Federativo das Mulheres Socialistas de Aveiro. Rosa Venâncio, candidata única, obteve 88,7% dos votos. A Lista à Comissão Política do DFMS, afecta à candidatura de Rosa Venâncio, obteve 89,2% dos votos.

O XVIII Congresso da Federação reunirá a 24 de Março no Centro Multimeios de Espinho. A reunião magna da estrutura distrital aprovará a moção de orientação política e elegerá os restantes órgãos federativos: Comissão Política da Federação, Comissão Federativa de Jurisdição e a Comissão Federativa de Fiscalização Económica e Financeira.

3/14/2018